domingo, 4 de maio de 2008

Polvo no forno com feijão frade


Não sou grande apreciadora de Polvo, nem de feijão frade, mas como é um prazer cozinhar para as pessoas que estão no meu coração e mimá-las com seus pratos preferidos fiz um pequeno sacrifício (só provei enquanto cozinhava),e o resultado foi este.
Sobrou comida...lá tive que preparar uma "marmita" para o convidado levar:-)
Esta receita foi retirada da revista "Teleculinária".


Ingredientes:
1kg de polvo limpo
Batatinhas
300 gr. de broa
1 lata grande de feijão frade
6 dentes de alho
cebola
3dl de azeite
Sal q.b.
pimenta (opcional)
salsa ou coentros

Preparação:
. Lave o polvo, deite-o para um tacho, junte o louro, tape, leve ao lume e deixe cozinhar, virando de vez em quando, até ficar macio (acrescentei uma cebola).
. Ligue o forno a 180 graus. Descasque as batatinhas. Retire o polvo do tacho, escorra-o, coloque num tabuleiro ou pirex, junte as batatinhas, 3 dentes de alho cortados em rodelas, sal q.b. e regue com metade do azeite. Leve ao forno durante 30 minutos, regando de vez em quando com molho do tabuleiro.
. Descasque e pique os restantes alhos, deite-os para um tacho, junte o resto do azeite, leve ao lume e deixe cozinhar até o alho ficar douradinho. Adicione o feijão frade bem escorrido e o miolo da broa migado, mexa bem e rectifique o sal.
. Sirva o polvo e as batatas com as migas à parte. Pode polvilhar as migas e o polvo com salsa ou coentros picados.

8 comentários:

Twlwyth disse...

Eu gosto de polvo. :)

Bjinhos Miga

oquefazerprojantar??? disse...

polvo e migas!!!... ai que delícia!
vou experimentar!
estou adorando os "aromas" desta cozinha!

ameixa seca disse...

Eu sou uma grande fã de polvo. Já nao digo o mesmo do feijão frade :-(
Mas este polvo está com um aspecto delicioso.

Axly disse...

Nada como mimar quem se gosta. E melhor ainda, ir a casa de alguém, comer um prato delicioso e ainda levar marmita pra casa!!!
Kisss^^

BETO disse...

BetiCris, tenho que confessar que não como peixe, lulas, polvos, camarões, nada disso. Não sei, mas nunca consegui gostar. Mas estou aqui por que achei curioso o comentário que você escreveu no meu blog. Só depois percebi que você está em Portugal e não no Brasil. Aqui no Brasil se come doce de abóbora puro ou com côco, e não com nozes, pinhão, etc. Acho muito interessantes essas diferenças culturais entre colonizados (Brasil) e colonizadores (Portugal). Assim vivemos aprendendo. Vou testar, qualquer dia, o doce de abóbora com nozes. Deve ficar delicioso mesmo. Abraços. BETO

Luciana Macêdo disse...

Não tenho o hábito de preparar polvo, somente uso no risoto, e nunca experimentei comê-los assim.Fiquei curiosa para provar.
Bjs!

Nani disse...

No forno, cozido, etc, amo polvo de qualquer jeito, e esse aí tá com aspecto delicioso,ham..nham.. ;)

pipoka disse...

Essas migas de feijão frade tiram-me do sério e o polvo é simplesmente dos meus pratos favoritos. Se não gostas de polvo e saiu esta maravilha, que faria se gostasses...

bjs